Los Angeles desponta como potência fashion, graças a um boom de novas grifes e criadores de peso escolhendo a cidade como base.

california_dreaming-2

Elas vivem sob o sol, perto do mar, se exercitam ao ar livre cercadas por belas paisagens, têm como look essencial a dupla short jeans e t-shirt (de preferência James Perse, cujo modelo de jérsei de algodão ultramacio chega a custar US$ 200) e são as primeiras a incorporar os novos modismos healthy.

As Califórnia girls, cujo estilo descontraído ganhou até nome (“Socal”, de South California), vêm desbancando as cosmopolitas fashionistas nova-iorquinas e a sofisticação despretensiosa das parisienses – afinal, quem não quer viver forever on vacation como a brasileira Alessandra Ambrosio, que mora lá há oito anos, demonstra em seu Instagram?

california_dreaming-3

Se antes Los Angeles era sinômimo de Hollywood, a cidade nos últimos três anos passou a despontar como a nova força da moda. Hedi Slimane, numa jogada ousada, deu início ao movimento ao transferir o ateliê da Saint Laurent da Cidade Luz para a dos Anjos, assim que assumiu a grife, em 2012 – dois meses antes de se desligar da marca francesa, em abril, ele armou um desfile no histórico Palladium Theater e exibiu uma coleção inspirada na cultura e na música californianas.

Tom Ford, que mora na Costa Oeste desde 1996, trocou a semana de moda londrina por uma apresentação em Los Angeles em fevereiro do ano passado. E, em janeiro, Stella McCartney mostrou seu pre-fall 2017 na Amoeba Music, a mais famosa loja de discos local. Em junho, será a vez da Moschino desfilar seu resort na cidade – Jeremy Scott, diretor criativo da grife, há 15 anos vive em LA.

california_dreaming-5

Inspire-se no lifestyle californiano e experimente praticar hiking (por lá, a dica é explorar oscânions Temescal e Runyon) e andar de skate – dá para resistir aos da Saint Laurent? Depois, tome um suco verde (de preferência sem frutas) no Moon Juice, o juice bar preferido das Cali girls. 1. Saint Laurent R$ 2.860 2. Emilio Pucci € 370 3. Globe US$ 100 4. Alexis Ren 5. Rosie Huntington-Whiteley 6. Alessandra Ambrosio 7. Nike R$ 600 8. Sucos Verdes (Foto: Claudia Knoepfel Et Stefan/condé Nast Archive, Akm Images, Getty Images, Imaxtree, Divulgação e Reprodução Instagram Agradecimento: Copa Airlines)
Com um boom de novas grifes à disposição – uma onda que começou com a Elder Statesman e a Band of Outsiders, as primeiras a ganharem destaque com o estilo easy de lá -, as Cali girls ostentam um visual despretensioso que ganhou força ao ser exaustivamente propagado nas redes sociais por Instamodels como Kendall Jenner e Gigi Hadid.

Despojado e sexy na medida certa, elas bebem da fonte do boho e entendem como ninguém do valor de uma boa peça vintage. O look relaxado, casual, confortável circula inclusive à noite – afinal, o termo overdressed não existe no vocabulário das LA girls. Entre na onda!

california_dreaming-4
Sophia Amoruso fotografada em Hollywood Hills e livro Nasty Galaxy na Amazon US$ 26 (pre-order) (Foto: Claudia Knoepfel Et Stefan/condé Nast Archive, Akm Images, Getty Images, Imaxtree, Divulgação e Reprodução Instagram Agradecimento: Copa Airlines)

 

BLACK BOOK
Criadora do e-commerce Nasty Gal, fenômeno surgido há dez anos em São Francisco e há seis baseado em LA, Sophia Amoruso conta que suas apostas do momento são as botinhas de cano curto e salto vertiginosos da Jeffrey Campbell e os tops de renda da Skivvies. Na hora de fazer compras de beleza, ela indica a multimarcas Violet Grey (8.452, Melrose Place) e os produtos eco da Beautycounter (2.803, Colorado Ave).

california_dreaming-7

1. LUGAR AO SOL: A jaqueta bomber estampada com um típico pôr do sol da Califórnia da coleção masculina do verão 2016 da Saint Laurent (R$10.720) virou hit absoluto (o último de Hedi Slimane antes de se desligar da grife) e conquistou inclusive as mulheres. Na imagem: Justin Bieber, Keith Richards, Olivia Wilde e Kourtney Kardashian.

2. RAQUEL ALLEGRA: A californiana tem como marca registrada belos tie-dyes que estampam t-shirts, saias e vestidos nada hippies. À venda na multimarcas Curve, em West Hollywood.

3. BAJA EAST : Vencedora do Los Angeles Fashion Awards na categoria designer emergente, a nova- -iorquina Baja East cria uma moda despretensiosamente luxuosa que é a cara da Califórnia. À venda por lá na Maxfield, na Melrose Avenue.

4. THADDEUS O’NEIL : Ex-assistente do fotógrafo Bruce Weber e finalista do CFDA/ Vogue Fashion Fund em 2015, Thaddeus aposta no estilo surf inspired (boas estampas e pele à mostra) que representa bem as garotas da Costa Oeste – ainda que ele tenha crescido surfando em Long Island. À venda na Ron Herman, na Melrose Avenue.

5. JACQUIE AICHE: A joalheira de Los Angeles conquistou de Rihanna a Gigi Hadid com body chains, anéis-pulseira e chokers delicados, decorados com amuletos, chifre e opalas. À venda na multimarcas Madison, em Malibu.

6. REFORMATION: A marca eco-friendly que é febre na Califórnia utiliza sobras de tecidos produzidos de maneira sustentável para criar vestidos femininos repletos de recortes estratégicos. 8.253, Melrose Avenue

california_dreaming-6

Os hot spots para visitar na próxima viagem a Los Angeles (Foto: Claudia Knoepfel Et Stefan/condé Nast Archive, Akm Images, Getty Images, Imaxtree, Divulgação e Reprodução Instagram Agradecimento: Copa Airlines)

ROTEIRO OBRIGATÓRIO

1. Não vá embora de Los Angeles sem comprar um vinil na Amoeba. Cenário da apresentação do pre-fall 2016 de Stella McCartney, a famosa loja de discos também é conhecida por promover shows gratuitos no espaço – Karen O (Yeah Yeah Yeahs) e Ben Harper já tocaram por lá. 6.400 Sunset Blvd.

2. Responsáveis por deflagrarem a moda das luzes californianas e do ombré hair, as LA girls dominam como ninguém a arte do cabelo com aparência queimada de sol. Na hora de retocarem suas mechas, o destino mais badalado é o Mèche Salon, em Beverly Hills. 820 Burton Way, Beverly Hills.

3. Escondido no meio do deserto, a 15 minutos de Palm Springs, o We Care Spa costuma receber atrizes e celebridades para retiros dedicados à renovação espiritual, que contam com uma rígida dieta de limpeza à base de líquidos. 18.000 Long Canyon Rd, Desert Hot Springs

4. Pano de fundo do inesquecível filme Uma Linda Mulher, o Beverly Wilshire, hotel da rede Four Seasons, é a escolha certa para quem faz questão de ter todas as grifes por perto – a propriedade está localizada a poucos passos da Rodeo Drive. 9.500 Wilshire Blvd, Beverly Hills. Diárias a partir de US$ 945

Fonte: Vogue

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )

Quer fugir dos básicos do dia a dia na hora de montar o visual de trabalho? Cinco itens – das roupas aos acessórios – são capazes de fazer essa mudança acontecer em grande estilo. Aqui, nós te entregamos a lista e ainda ensinamos a usar. Confira!

trabalho

Quem ostenta um armário cheio de personalidade reconhece a influência das roupas no seu dia a dia. Uma peça de efeito é capaz de mudar o humor e renovar a confiança em instantes. Daí a importância de renovar com frequência os looks de trabalho. Que tal embarcar no desafio de acrescentar uma peça nova em cada produção diária para garantir um frescor extra à rotina?

A seguir, confira cinco itens que merecem um espacinho no seu guarda-roupa e prepare-se para se sentir renovada!

pecas-trabalho

1. ANKLE BOOT
Dê um descanso merecido ao scarpin ou à sapatilha e arremate os looks, sejam eles de alfaiataria ou casuais, com uma ankle boot preta clássica. Moderna, a bota de cano curto dá um toque atual à produção e pode ser usada tanto com calça, quanto com saias e vestidos.

2. CAMISA COM COLARINHO
Para agregar charme às camisas, um toque no melhor estilo DIY pode ajudar nesta tarefa. Finalize o colarinho com uma fita ou colar bem justo ao pescoço. O efeito é fofo e pode dar infinitas possibilidades a uma única peça.

3. SAIA MIDI
Ao contrário do que muitos pensam, este modelo de saia é superdemocrático e pode entrar no revezamento da clássica saia lápis. Para quem tem receios de achatar a silhueta, invista no salto e em um top sem grande contraste de cor. É infalível!

4. MAXICASACO
A terceira peça faz toda a diferença no look. Prefere uma combinação minimalista? Então dê o toque de estilo final com um casaco de shape estruturado e comprimento longo. Chique na medida!

5. BOLSA ESTRUTURADA
Mantenha o traje de escritório alinhado com uma bolsa de shape estruturado, estilo pasta. Além de funcional, o modelo é cheio de estilo.

 

Fonte:  Marie Claire

Tags: , , , , , ,

Comments ( 0 )

Esqueça o minimalismo na hora de pensar no seu penteado para a próxima festa! Essa é a regra máxima que apareceu nos últimos desfiles internacionais, como Rodarte, Dolce & Gabbana e Alexander McQueen. Os diretores de beleza decidiram apostar em penteados superextravagantes com vários acessórios de cabelo ao mesmo tempo. Na teoria, pode parecer estranho, mas na prática – nós amamos!

Para apostar sem medo de ficar over, use diferentes tipos de broches ou grampos ao mesmo tempo, de preferência de tons parecidos- ouro com ouro, prata com prata. Na hora daquele casamento importante, um detalhe em flor faz um efeito diferente e moderno e foge daqueles clássicos penteados que todo mundo faz igual. Para contrastar, deixe o cabelo solto, fluido e aposte em joias que complementem as cores dos acessórios.

 

06 07 01 02 03 04 05

Tags: , , , , , , ,

Comments ( 0 )

carol-castro-iolanda-03

Com um figurino bem ousado típico do final dos anos 1960, quando o movimento hippie já invadia o Brasil, Carol Castro se surpreendeu o público na pele da personagem Iolanda, no primeiro capítulo da novela Velho Chico, da TV Globo. Ela não apenas atuou, mas também deu um show ao cantar – e seus looks, claro, chamaram atenção.

carol-castro-iolanda-01

Cintura muito baixa, transparências e muitos bordados marcaram o visual da personagem. “A Iolanda simboliza o amor. Ela é uma mulher muito forte, mas ao mesmo tempo tem uma delicadeza, uma sutileza”, conclui a atriz.

carol-castro-iolanda-02

A boa nova é que o visual 60’s e 70’s está em alta, e fica fácil copiar o estilo de Iolanda. Confira as dicas ao longo desta página e escolha o seu look!

manish-arora-verao-2016

Manish Arora, inverno 2016 (Foto: Imax)

juliana-jabour-pucci-verao-

Juliana Jabour (à esquerda e ao centro) e Pucci (à direita) (Foto: Imax)

teca-verao-2016

Helo Rocha, verão 2016 (Foto: Imax)

packham-philosophy-verao-21

Packham (à esquerda e ao centro) e Philosophy (à direita) (Foto: Imax)

dolce-gabbana-verao-2016

Dolce & Gabbana (Foto: Imax)

paula-raia-verao-2016

Paula Raia, verão 2016 (Foto: Imax)

balenciaga-verao-2016

Balenciaga, verão 2016 (Foto: Imax)

alberta-ferretti-verao-2016

Alberta Ferretti (Foto: Imax)

Fonte: VOGUE

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )

“Cinderela”, “Mad Max: Estrada da Fúria”, “A Garota Dinamarquesa”, “Carol” e “O Regresso” são os candidatos deste ano. Navegue pela galeria e saiba mais sobre os longas-metragens e seus figurinistas.

Cinderela

filmes-indicados-a-melhor-oscar-de-figurino-2016

O longa-metragem recria a clássica história da órfã (Lily James) que vai morar com a madrasta (Cate Blanchett) após da morte do pai. Ela fica animada ao receber um convite para o grande baile do príncipe (Richard Madden) e precisa contar com a ajuda da fada madrinha (Helena Bonham Carter) para mudar seu destino.

A britânica Sandy Powell assina o figurino luxuoso. Ela já ganhou o Oscar três vezes: em 1999, por Shakespeare Apaixonado; em 2005, por O Aviador; e em 2010 por A Jovem Rainha Vitória.

filmes-indicados-a-melhor-oscar-de-figurino-2016_0

O figurino mescla os shapes do século 19, época em que se passa a história, com elementos modernos. O look usado pela personagem principal durante o baile é o grande destaque: o vestido foi bordado com centenas de milhares de cristais Swarovski e os sapatos de cristal, itens-chave na história, são realmente de vidro. O visual maximalista da madrasta e de suas filhas, repleto de joias, cores fortes e bordados, também é de encher os olhos.

Mad Max: Estrada da Fúria

filmes-indicados-a-melhor-oscar-de-figurino-2016_1

Após ser capturado pelo terrível Immortan Joe (Hugh Keays-Byrne) para servir como banco de sangue para soldados, o guerreiro Max (Tom Hardy) se vê no meio de uma guerra mortal iniciada pela Imperatriz Furiosa (Charlize Theron). O cenário é um mundo pós-apocalíptico cuja população definha porque itens básicos, como água e gasolina, são controlados pelo ditador.

A inglesa Jenny Beavan, de O Discurso do Rei, Sherlock Holmes e Razão e Sensibilidade, é quem assina o figurino.

filmes-indicados-a-melhor-oscar-de-figurino-2016_2

Grande parte das filmagens foi realizada na Namíbia. Por isso, a figurinista foi buscar com fornecedores locais a matéria-prima para as roupas de alguns personagens – couro e algodão, por exemplo. As máscaras, como a usada por Immortan Joe, merecem destaque, assim como os looks claros e fluidos das esposas do vilão.

A Garota Dinamarquesa

filmes-indicados-a-melhor-oscar-de-figurino-2016_3

Cinebiografia de Lili Elbe (Eddie Redmayne), que nasceu Einar Mogens Wegener e foi a primeira pessoa fazer uma cirurgia de mudança de gênero. A produção foca no relacionamento amoroso do pintor dinamarquês com Gerda (Alicia Vikander) e sua descoberta como mulher.

O espanhol Paco Delgado é o responsável pelo figurino de época. Ele é conhecido por seu trabalho em Os Miseráveis (por qual foi indicado ao Oscar), A Pele que Habito e Biutiful.

filmes-indicados-a-melhor-oscar-de-figurino-2016_4

O grande desafio do figurinista foi, é claro, mostrar a transição dos looks masculinos do personagem principal para um visual bastante feminino. Em entrevista ao The Wrap, Paco Delgado revelou que ele, o diretor Tom Hooper, o maquiador Jan Sewell e Eddie Redmayne começaram a se reuniram um ano antes das filmagens para realizar testes até chegar à produção que veremos nas telas.

Carol

filmes-indicados-a-melhor-oscar-de-figurino-2016

O filme conta a história de amor entre a jovem Therese Belivet (Rooney Mara) e a elegante Carol Aird (Cate Blanchett) nos anos 1950. Impedida pelo marido Harge (Kyle Chandler) de passar o Natal com a filha, Carol convida Therese a fazer uma viagem pelos Estados Unidos e elas acabam se apaixonando.

Sandy Powell, a mesma figurista de Cinderela, é responsável também por esta produção. Como indicado anteriormente, ela já conquistou o prêmio da Academia três vezes: em 1999, por Shakespeare Apaixonado; em 2005, por O Aviador; e em 2010 por A Jovem Rainha Vitória.

filmes-indicados-a-melhor-oscar-de-figurino-2016_5_0

Junte o requinte da década de 1950 com a criatividade hollywoodiana e o resultado é um figurino impecável. Casacos de pele, bolsas de couro, lenços de seda e muitos itens coral – batom e esmalte, inclusive – compõem o visual da rica Carol. Já Therese, uma vendedora aspirante a fotógrafa, tem um guarda-roupa enxuto, composto, em sua maioria, por suéteres e vestidos básicos.

O Regresso

filmes-indicados-a-melhor-oscar-de-figurino-2016_6

O filme conta a história real de Hugh Glass (Leonardo DiCaprio), um explorador que viaja ao oeste americano disposto a ganhar dinheiro com a caça. Após o ataque de um urso, ele fica gravemente ferido e é abandonado pelo amigo John Fitzgerald (Tom Hardy). Mesmo com tantos obstáculos, ele consegue sobreviver e começa uma jornada difícil e cheia de aventuras em busca de vingança.

Quem assina o figurino é a norte-americana Jacqueline West. Ela trabalhou em O Curioso Caso de Benjamin Button e A Liga Extraordinária.

filmes-indicados-a-melhor-oscar-de-figurino-2016_7Neve, lama, sangue, graxa. As roupas sujas e desgastadas deixam claro o ambiente extremo em que a história se passa. Em entrevista ao The Film Experience, Jacqueline West menciona um relato publicado em um jornal da época que afirmava ser impossível distinguir a cor original das roupas dos caçadores de tão sujas que estavam. “Isso foi um mantra para meu trabalho”, contou.

Fonte: IN STYLE ESTILO

 

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )

Tons de rosa são destaque nos desfiles da Carolina Herrera, Jason Wu, Jill Stuart e mais na semana de moda de Nova York.

foto_8Jason Wu, verão 2016 (Foto: Fashion To Max )

De um lado: desfiles dominados pelo trio trio red + white + blue. Do outro: 50 tons de rosa. Cor preferida das fashionistas mais românticas, o pink tingiu as criações de verão de uma série de grifes, confirmado a tendência apontada pela Pantone de que seria a cor de 2016.

Carolina Herrera fez do delicado Rose Quartz ao tom mais intenso reinar por inteiro a coleção. Inspiradas na deusa romana Fortuna, as criações de Diane von Furstenberg traziam um rico patchwork de estampas em vestidos superfluidos de seda à la Studio 54. Já os vestidos delicados em pink intenso de Jason Wu  foram os mais clicados pelas fashionistas que prestigiaram o show – e compartilharam seus eleitos nas redes sociais. Até na beleza a cor apareceu como destaque, ganhando as passarelas de Jill Stuart e Opening Ceremony.

jill_stuart_bks_m_rs16_0812Jill Stuart (Foto: Imaxtree)

r8

Rosa é a cor mais quente: Jason Wu, verão 2016 (Foto: Reprodução)

r7

Rosa é a cor mais quente: Cushnie et Ochs (Foto: Reprodução)

r5

Rosa é a cor mais quente: Monique Lhuillier (Foto: Divulgação)

r6Rosa é a cor mais quente:  Jill Stuart, verão 2016 (Foto: Reprodução)

r1

Rosa é a cor mais quente: Carolina Herrera, verão 2016 (Foto: Divulgação)

r2Rosa é a cor mais quente: Lela Rose, verão 2016 (Foto: Reprodução)

r3

Rosa é a cor mais quente: Tracy Reese (Foto: Reprodução)

r4

Rosa é a cor mais quente: Diane von Furstenberg (Foto: Divulgação)

roland_bks_i_rs16_7625

Roland (Foto: Imaxtree)

opening_ceremony_bks_i_rs16_0052

Opening Ceremony (Foto: Divulgação)

Fonte: Vogue

Tags: , , , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )
giovanna-antonelli_1Giovanna Antonelli é conhecida por lançar tendências, que são rapidamente adotadas por outras famosas, fashionistas e espectadoras. Nesta segunda-feira (31), a atriz estreia como Atena, uma vilã sagaz e cheia de estilo em “A Regra do Jogo”, a nova novela das 21h, de João Emanuel Carneiro.

Quem não se lembra da capinha de celular de soco inglês da delegada Helô, de “Salve Jorge”? E o esmalte azul bic e os bodies com grandes aberturas nas costas usado por Clara na novela “Em Família”?

O estilo de Atena chamará atenção desde o início. As peças-chave de suas produções são saias assimétricas, vestidos com decotes profundos, muitas peças em couro e camisas. Segundo Marie Salles, figurinista da novela, o intuito era criar uma mulher rica e antenada, com forte gosto para as compras. A partir dessa ideia, as coleções de verão de grifes internacionais se tornaram inspiração no momento de compor o look da vilã.

Além de estilosa, a vilã abusará da sensualidade em suas produções. “Antes de tudo, o figurino da Atena é sexy, seja na assimetria, nos decotes ou até mesmo nos acessórios. Tudo remete a uma sensualidade chique. Ela sempre está vestida para matar”, complementa Marie.

giovanna-antonelli-atena

Como é de costume entre as personagens de Giovanna, o estilo de Atena deve pegar. “Tem muita coisa dela que a gente não vê por aí toda hora. Eu faço muita pesquisa e a minha figurinista é superantenada. Eu costumo dar uma olhada em blogs, lançamentos de marcas etc”, explica a atriz.

Entre as principais peças que prometem virar hit estão os acessórios, como a pulseira de mão e as gargantilhas usadas pela vilã diariamente. Em relação às unhas, a opção escolhida para a personagem é bastante original e inclui esmalte preto e cobertura fosca.

“Não tem nada convencional, até porque ela também não é nada convencional. Então vocês verão novidades em todos os lugares: desde as unhas até o shape das roupas e os modelos de joias e acessórios”, diz Giovanna.

O figurino da atriz também interferiu nos cuidados com o corpo. Por causa das roupas curtas e justas, ela começou a se preparar desde dezembro. A atriz pratica crossfit há dois anos e aumentou o ritmo de malhação. “Eu não largo esse negócio, porque realmente dá um resultado absurdo”. E, para complementar os exercícios, Giovanna vem se alimentando de forma mais saudável.  “A Atena veste muita grife, então tem muita roupa que, além de pequena, é assimétrica. Eu não vou ficar me ajustando, sempre soube como era a personagem e decidi enfrentar essa meta. Mantive o foco para dar essa secada e poder vestir bem aquelas roupas lindas”.

giovanna-antonelli-loira

MUDANÇA DE VISUAL
A atriz também mudou os cabelos. Os fios loiros, ondulados e cortados na altura do peito – o comprimento da vez. Giovanna mudou o visual para a personagem e diz que as transformações são bem-vindas. “Acho que o público também já espera que a gente se reinvente”, diz.

A atriz participa ativamente da caracterização de suas personagens e sempre apoia as transformações, inclusive a descoloração dos cabelos, decisão conjunta entre o autor e a diretora de núcleo Amora Mautner. “Adoro essa reprocura pelo novo e o cabelo faz parte disso.”

Para cuidar da manutenção dos fios, a atriz revela que procura recorrer a soluções caseiras. “O cabelo loiro pede mais hidratação, e sempre tive um pouco de preguiça de ir ao salão para fazer esses processos. Eu prefiro cuidar em casa, então sempre deixo aquelas máscaras de superhidratação já dentro do box”.

Fonte: Marie Claire

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )

Não sabe com o que combinar a sandália gladiadora, como usar um short jeans desfiado ou com quais acessórios deixar um look básico mais descolado? Ah, até uma criança sabe fazer isso. Quer dizer, não qualquer criança, mas Audrey Siscar sabe. A filipina de apenas três anos de idade tem um guarda-roupa de gente grande e, na hora de se vestir, deixa qualquer adulto “no chinelo”

audrey-siscar-620Mais invejável que seu closet, só sua conta no Instagram. O feed, gerenciado pela mãe, Keziah Angela Siscar, mostra a pequena com looks (e poses) de fazer inveja em qualquer fashionista, de qualquer idade. Audrey esbanja estilo com óculos ‘oversized‘, acessórios de cabelo, botas e sandálias gladiadoras, além de combinar maxivestidos, shortinhos e até trench coats melhor do que muito adulto por aí.

audrey-siscar-1 audrey-siscar-2 audrey-siscar-3 audrey-siscar-4 audrey-siscar-5

Fonte: GNT

Tags: , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )

Com milhares de seguidores nas redes sociais, Dina Torkia, Ascia Al-Faraj, Melanie Elturk e muitas outras jovens fashionistas fazem parte da nova onda de “hijabi bloggers” – muçulmanas que estão dando voz ao seu amor pela moda enquanto vestem seus véus. Siga!

img_0052

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Elas são jovens, muçulmanas, apaixonadas por moda e começam a ganhar espaço entre as típicas blogueiras fashion. Fazendo coro contra qualquer tipo de estereótipo, elas já somam milhares de seguidores nas redes e vêm inspirando cada vez mais mulheres ao redor do mundo. Conheça agora as “hijabi bloggers”!

dina-torkia

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Dina Torkia (@dinatokio)
“Eu entendo que se vestir de um jeito bacana é uma forma de representação de mim mesma e da minha religião”, contou Dina ao The Guardian. “Não entendo por que você não pode ser interessada em moda e ser muçulmana ao mesmo tempo. Quis mostrar para o mundo que você pode de vestir de um jeito incrível e ainda assim estar usando lenço.”

summeralbarcha

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Summer Albarcha (@summeralbarcha)
Albarcha ficou conhecida por conta do blog “Hipster Hijabis”. Como o próprio nome sugere, ela opta por usar o hijab. “Eu acredito que tenho tanto poder sobre as minhas escolhas de moda quanto uma pessoa que não é muçulmana. Já que tenho limitações em relação a algumas opções de roupa – como evitar usar shorts muito curtos -, estou aberta a trabalhar com a criatividade. Estou sempre pronta para novos desafios”, contou a blogueira de 19 anos à Marie Claire US. “Eu decidi usar o hijab por conta da minha criação. Estive sempre rodeada de mulheres muçulmanas incríveis, que nunca permitiram que os valores religiosos barrassem suas aspirações.”

amara.majeed

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Amara Majeed (@amara.majeed)
Aos 18 anos e fundadora do “The Hijab Project”, ela luta diariamente contra qualquer equívoco relacionado a mulheres que usam lenço. “Na verdade, eu uso hijab com propósito feminista. Eu vejo isso como um símbolo político e social”, conta. “De acordo com meu estilo, tento construir um olhar mais chique e elegante. Sou extremamente feminina, então você pode me ver usando vários vestidos floridos com saltos altíssimos, além disso uso jeans skinny com absolutamente qualquer coisa. Quanto aos lenços, prefiro os de cores sólidas e mais volumosos.”

ascia_akf

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ascia Al-Faraj (@ascia_akf)
Ela começou o blog “The Hybrids” há três anos, frustrada com a escassez de rostos muçulmanos na blogosfera, e já soma mais de um milhão de seguidores no Instagram. “Eu sigo várias blogueiras de moda, mas nenhuma entende o que é ser uma mulher muçulmana”, disse à Marie Claire australiana. Para Al-Faraj, representar a comunicação da sua fé com seu amor por moda sempre foi o seu foco. “Sempre me vesti de uma forma modesta. Amo roupa e amo minha religião. Acho que existe uma ligação entre elas.”

thehijabstylist

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Zulfiye Tufa (@thehijabstylist)
Dona dos perfis “The Hijab Stylist”, Tufa defende a ideia de moda e islamismo podem andar juntos. “Tudo depende da maneira como você define a moda. Hoje, a indústria fashion em sua maioria promove a imagem de uma mulher sexy. Eu não sigo a maneira estereotipada da moda, porque não gosto da maneira como ela objetifica as mulheres.Em vez disso, a uso como um meio de expressar minhas crenças internas”, disse The Sydney Morning Herald.

hautehijab

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Melanie Elturk (@hautehijab)
Inspirada na moda ocidental dos anos 40 e 50, Elturk é o rosto por trás do “Haute Hijab”, o primeiro blog criado no mundo sobre moda para muçulmanas.

thegirlbeneaththeheadscarf

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Wiwid Howart (@thegirlbeneaththeheadscarf)
“Usar o hijab e ainda assim conseguir se vestir de maneira estilosa é muito libertador”, declarou à Marie Claire australiana. “Meu estilo se resume em uma mistura de moderno e indonésio. Adoro experimentar com os lanços para criar estilos diferentes, mas também adoro acrescentar chapéus de abas largas ou coroa de flores. Gosto de combinar peças ocidentais com cores chocantes, influenciada pela minha herança indonésia”, acrescentou em entrevista ao The Sydney Morning Herald.

Fonte: Marie Claire

 

Tags: , , , , , , , ,

Comments ( 0 )

cabelo_1

O penteado

Trança lateral com mechinhas soltas e rabo de cavalo minimal. O que esses três cabelos têm em comum? Todos parecem ter sido presos longe do espelho. “É essa falta de acabamento que garante o fator bacaneza, um ar de ‘bela sem esforço’ (oi, cool!) ao penteado”, garante Eron Araújo, dono do salão Blend (SP). “Pra chegar lá, procure ir ‘desorganizando’ os fios já presos com o cabo de um pente”, orienta. Dica extra: Faça como as musas do streetstyle: se o penteado for baixo, vá de risca no centro da cabeça; se for alto, prenda os fios pra trás.

cabelo_2

A cor

O ombré continua a ser a it-técnica de coloração no mundo todo, mas acaba de receber update: uma transição de cor mais sutil entre a raiz e a ponta do cabelo. “Esse jeito de colorir dá ao fio uma cara de cabelo de criança – que vai mudando de cor, mas de um jeito totalmente natural”, diz o expert Eron Araújo. Dica extra: “Peça pro seu cabelereiro construir o degradê em camadas, tingindo a parte interna do cabelo de um tom, a do meio de um tom mais claro e a externa de outro mais claro ainda”, detalha Eron.

cabelo_3

 

O corte

Ele é o bob hair (comprimento que ferveu na temporada passada) um tiquinho só mais longo. “O corte é superdemocrático e deve ‘morrer’ na altura da saboneteira”, orienta o top hairstylist Helder Rodrigues. “Só não deixe seu cabeleireiro repicar o fio: o bacana agora é corte reto e sem camadas, pra evitar o excesso de volume.” Anotado! Dica extra: Se você não vê muita graça nos curtos, experimente uma franja levemente descompensada nas pontinhas.cabelo_4

A textura

Comece a construir a textura messy – marca registrada das streetstyle stars – eliminando o xampu na hora da lavagem. “Isso é meio caminho andado até chegar ao cabelo ‘podrinho de butique’”, garante Helder Rodrigues. Ah, e tem um truque pra turbinar o efeito: “Dê duas borrifadas de spray de volume e de spray de textura na mão e misture. Aplique no comprimento do cabelo amassando os fios e pronto”. Dica extra: Cabelos compridos messy ficam mil vezes mais cool divididos de lado.

Fonte: Revista Glamour

Tags: , , , , , , ,

Comments ( 0 )
Página 4 de 12« Primeira...23456...10...Última »