Cerca de meio milhão de pessoas se reuniram em uma fazenda em Bethel, perto de Nova York, entre os dias 15 e 17 de agosto de 1969. Há quarenta anos, acontecia o Woodstock, festival de música mais importante de  todos os tempos.
Para celebrar, estilistas da atualidade inspiraram suas coleções na moda hippie da época. Seria a volta do hippie chique? Calça boca-de-sino, vestidos super soltinhos, sandálias rasteirinhas com tiras de couro, faixas na cabeça, óculos redondinhos…

Cerca de meio milhão de pessoas se reuniram em uma fazenda em Bethel, perto de Nova York, entre os dias 15 e 17 de agosto de 1969. Há quarenta anos, acontecia o Woodstock, festival de música mais importante de  todos os tempos.

Woodstock

Woodstock

Woodstock

Woodstock

Para celebrar, estilistas da atualidade inspiraram suas coleções na moda hippie da época. Seria a volta do hippie chique? Calça boca-de-sino, vestidos super soltinhos, sandálias rasteirinhas com tiras de couro, faixas na cabeça, óculos redondinhos…

Woodstock

Woodstock

fonte:www.tanavitrinetanacea.com.br

Tags: , , , , , , , , , , ,

Comments ( 1 )
Sandálias superaltas para o verão 2010
Salto alto a maioria das brasileiras adora. Depois então de trazermos um panorama sobre as rasteiras, as sapatilhas e os sapatos da estação verão 2010, acompanhe agora sandálias com saltos altíssimos.
. Selecionamos três marcas que apostam em cores abertas, primaveris: Stéphanie Classic inova no fachetado multicolor do salto; Shoesserie contrasta tons da palmilha, salto e cabedal ; enquanto Legaspi aplica o verde-antigo à sua tendência étnico-chic. Inclusive mistura couro de diferentes texturas, como peixe, incluindo arraia, tatu, cobra e zebra.
Bottero investiu em diversos modelos com tom neutro no cabedal, contrastando com o do solado. Nestes, há branco versus preto e caramelo versus floral aquarelado. Especificamente no quesito salto, plataformas e anabelas receberam forrações, madeiras, fachetes e pinturas especiais, como a da imagem .
Por fim, Werner, que está completando 40 anos de atuação no segmento feminino de calçados. O destaque desta coleção é justamente o “uso abusivo de saltos”, anotam. São plataformas e cepas com 11 visuais diferentes. Neste modelo, apelo étnico, cabedal com dezenas de tiras em camurça metalizada, mais salto e meia pata com estampa píton

Salto alto a maioria das brasileiras adora. Depois então de trazermos um panorama sobre as rasteiras, as sapatilhas e os sapatos da estação verão 2010, acompanhe agora sandálias com saltos altíssimos.

Shephanie Classis Sandália Verão 2010

Shephanie Classis Sandália Verão 2010

Selecionamos três marcas que apostam em cores abertas, primaveris: Stéphanie Classic inova no fachetado multicolor do salto; Shoesserie contrasta tons da palmilha, salto e cabedal ;

enquanto Legaspi aplica o verde-antigo à sua tendência étnico-chic. Inclusive mistura couro de diferentes texturas, como peixe, incluindo arraia, tatu, cobra e zebra.

Legaspi Sandália Verão 2010

Legaspi Sandália Verão 2010

Bottero investiu em diversos modelos com tom neutro no cabedal, contrastando com o do solado. Nestes, há branco versus preto e caramelo versus floral aquarelado. Especificamente no quesito salto, plataformas e anabelas receberam forrações, madeiras, fachetes e pinturas especiais, como a da imagem .
Bottero sandália Verão 2010

Bottero sandália Verão 2010

Por fim, Werner, que está completando 40 anos de atuação no segmento feminino de calçados. O destaque desta coleção é justamente o “uso abusivo de saltos”, anotam.

Werner Sandália Verão 2010

Werner Sandália Verão 2010

São plataformas e cepas com 11 visuais diferentes. Neste modelo, apelo étnico, cabedal com dezenas de tiras em camurça metalizada, mais salto e meia pata com estampa píton .

Tags: , , , , , , ,

Comments ( 6 )
Marca de beachwear e moda fitness traz materiais tecnológicos que refletem a luz
Para criar sua coleção de moda praia verão 2010, a marca Flor de Menta pensou nas mulheres que transitam entre o dia e a noite no litoral, com poucas variações de peças.
Peças com brilho são a aposta da grife para qualquer horário. Materiais tecnológicos com texturas que refletem a luz do sol foram escolhidos para maiôs e biquínis. Blusas e vestidos fluídos ou drapeados vêm em tule, lurex, liganete e musseline.
Na cartela de cores, tons quentes, como pink, coral e vermelho, que fazem contraponto ao azul-maresia, branco e preto. As estampas contemplam florais, prints selvagens e inspiração náutica.

Marca de beachwear e moda fitness traz materiais tecnológicos que refletem a luz

Flor de Menta verão-20010

Flor de Menta verão-2010

Flor de Menta verão 2010

Flor de Menta verão 2010

Para criar sua coleção de moda praia verão 2010, a marca Flor de Menta pensou nas mulheres que transitam entre o dia e a noite no litoral, com poucas variações de peças.

Peças com brilho são a aposta da grife para qualquer horário. Materiais tecnológicos com texturas que refletem a luz do sol foram escolhidos para maiôs e biquínis. Blusas e vestidos fluídos ou drapeados vêm em tule, lurex, liganete e musseline.

Flor de Menta Verão 2010

Flor de Menta Verão 2010

Na cartela de cores, tons quentes, como pink, coral e vermelho, que fazem contraponto ao azul-maresia, branco e preto. As estampas contemplam florais, prints selvagens e inspiração náutica.

Tags: , , , , , , , ,

Comments ( 0 )

calca-saruel-fotos-modelosVocê é da turma que ama ou que odeia calça saruel? Não há meio termo com a saruel – a calça de origem oriental que os estilistas tentaram emplacar no ano passado, não deu muito certo, mas agora está vindo com força total. E tende a ser moda no verão por ser larguinha e ser valorizada por tecidos como algodão. A saruel tem um gancho bem baixo. Não agarra na bunda, ideal no calor e depois da praia.

Também é conhecida como calça-pijama. Às vezes, o tal gancho (ou cavalo) é tão baixo que ela vira quase uma calça-saia, presa pelos tornozelos. Como usar? Quem pode? Como escapar das armadilhas? Dá para ficar elegante, sem cara de hippie deslocada? Engorda? É só para as altas e magras – aquelas mulheres que não somos nós e que vemos nos desfiles de moda – vestindo coisas que jamais usaríamos?

A saruel envolve muitos mitos. Na verdade, o resultado e o efeito dependerão muito mais do tecido, do corte, da combinação com as camisas e os sapatos, da situação, da sua atitude e do seu estilo do que propriamente da sua altura. Para se ter uma idéia, dependendo da modelagem, a saruel serve até para disfarçar quadris grandes.

(Deve ser por isso que a maioria dos homens implica com a saruel: eles preferem verificar direitinho o contorno do bumbum e das coxas, em vez de dar lugar à imaginação e ter uma surpresa depois. Mas as muito apertadas podem ser cruéis. Já viu coisa pior e mais brega do que essas leggings justésimas que acentuam tudo, todas as imperfeições, e funcionam quase como uma ultrassonografia das pernas e do bumbum? Mostram até veias. Socorro, não?).

O termo “sarouel” é francês e tem origem árabe. A saruel vem das calças johdpur e dhoti. Todas tem um grande volume entre as pernas. Usa-se muito na África e no Oriente Médio.

Tem gente que confessadamente detesta, como a estilista Glorinha Kalil, que acha a saruel parecida mesmo com “um fraldão”: “É a roupa mais democrática do mundo. Veste mal qualquer pessoa, de qualquer idade”.

Mas a estilista Lílian Pacce adora. E seu gosto não tem nada a ver com moda. Há muitos anos ela veste saruel. A mais antiga que tem, ela comprou no Peru. Lílian passou para Mulher 7×7 umas dicas importantes para quem tem vontade mas não tem coragem.

“Adoro, tenho saruel de 10 anos atrás, é uma tentação, é um convite ao relaxamento, e por isso precisa tomar cuidado para não parecer relaxamento, não ficar com um visual meio desleixado. Acho que as brasileiras resistiram sim no ano passado, mas agora estou vendo nas ruas. Veio a calça boyfriend, mais larguinha, uma silhueta mais largada e que foi adotada pelas mulheres e pelas meninas. E sinto que a saruel vai pegar mais no verão, porque o calor não pede nada justo. É uma calça mais tropical mesmo”.

Os 7 mandamentos da calça saruel, segundo a estilista Lílian Pacce

1) Combinar com tênis dá uma esculachada desnecessária. Dá muito volume, achata mesmo. Fica aquele bololô embaixo. Melhor combinar com sandália, baixa ou alta, ou então sapatilha rasteira.

2) Quem tem quadris largos precisa de uma saruel que não realce o quadril. Ideal para as de quadris muito estreitos porque, além de ser confortável, dá uma enchidinha.

3) Para as mais baixas, é melhor escolher uma saruel com perna mais afunilada. O volume de tecido entre as pernas deve ser menor.

4) Franzida na cintura e com cós baixo, somente para quem não tem barriga nenhuma. Cintura baixa é, sempre, algo avassalador para quem tem barriga.

5) O mais importante é prestar atenção na proporção entre o comprimento da perna e o cavalo (gancho). É essa proporção que vai deixar a mulher mais achatada ou mais alongada. O gancho menor com a perna mais afunilada aumenta a altura.

6) O tecido mais fino e elegante – seda, linho – valoriza a saruel. Transforma um modelo chamado de pijama em uma calça de festa.

7) Uma calça saruel sempre pede combinações mais simples e secas porque senão o visual fica comprometido, muito pesado. Camisetas sequinhas, pés leves.

Visto Época

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Comments ( 1 )
Mesmo com o calor, há pessoas que preferem os sapatos fechados, seja por seu conforto, ou para adequação com algum segmento de trabalho. Na seleção que vamos conferir a seguir, destacam-se as cores claras e os bicos arredondados.
Babel, marca nova no mercado, aposta no estilo urbano. Esta linha se chama “Lumix.Day”, trazendo pitadas de futurismo e experimentação de materiais. O diferencial é usar com ou sem a “polaina” (foto 1).
Este lançamento de Jorge Bischoff também foi apresentado no desfile da Filhas de Gaia, no Fashion Rio. O modelo tem recortes de linhas sinuosas, salto superalto e mistura interessante de rosa com vermelho (foto 2).
Priscilla Andrade e Picadilly, apesar de uma artesanal e a outra uma indústria com grande produção, seguiram o mesmo conceito. Scarpin, salto fachetado médio, foco no conforto (fotos 3 e 4).
O item final é da Fina Seraphina, da linha “Rock” da marca, afinal, quem gosta do estilo, não se importa em usar preto mesmo debaixo de 40 graus (foto 5).

Mesmo com o calor, há pessoas que preferem os sapatos fechados, seja por seu conforto, ou para adequação com algum segmento de trabalho. Na seleção que vamos conferir a seguir, destacam-se as cores claras e os bicos arredondados.

Babel, marca nova no mercado, aposta no estilo urbano. Esta linha se chama “Lumix.Day”, trazendo pitadas de futurismo e experimentação de materiais. O diferencial é usar com ou sem a “polaina”.

Sapato

Sapato Babel

Este lançamento de Jorge Bischoff também foi apresentado no desfile da Filhas de Gaia, no Fashion Rio. O modelo tem recortes de linhas sinuosas, salto superalto e mistura interessante de rosa com vermelho .

Sapato
Sapato Jorge Bischoff

Priscilla Andrade e Picadilly, apesar de uma artesanal e a outra uma indústria com grande produção, seguiram o mesmo conceito. Scarpin, salto fachetado médio, foco no conforto .

Sapato Piccadily

Sapato Piccadily

O item final é da Fina Seraphina, da linha “Rock” da marca, afinal, quem gosta do estilo, não se importa em usar preto mesmo debaixo de 40 graus .

Sapato

Sapato Fina Seraphina

Fonte: www.usefashion.com.br

Tags: , , , , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )
Fotos-Look-blazer-vestido-rosa-Desfile-Juliana-Jabour-calca-Claudia-Simoes

Look blazer e vestido rosa/Desfile Juliana Jabour. Looks blazer e calça/Desfile Claudia Simões

Quem acompanhou as semanas fashion percebeu um ligeiro revival dos tempos em que música e moda estiveram em plena sintonia.

Vários ícones dos anos 80, época mais pop de todos os tempos, foram a marca registrada de alguns estilistas. Entre eles blazeres longos com ombreiras (representação máxima dos yuppies), tubinhos, volumes acinturados, calças e shorts com cintura alta, pregas e macacões. As marcas cariocas Cláudia Simões e a Printing abusaram desses clichês. Já Juliana Jabour também investiu nas cores fortes, em tons flúor: amarelo fosforescente, melancia e acqua.

As mais eletrizantes (verde limão, tangerina e pink) usadas por muitas mulheres que adoravam fazer combinações exageradas assim como a rainha do pop Madonna, desembarcaram do verão europeu e aparecem nos calçados e acessórios do próximo verão. A Arezzo, por exemplo, aposta nas cores neon misturadas em uma só peça. “Acho que elas vão sim invadir as ruas, tem tudo a ver com o verão, só não vale usar no ambiente corporativo”, lembra a personal stylist Cintia Castaldi.

Fotos-Colecao-Arezzo-Verao-2010

Coleção ArezzoVerão 2010

A consultora diz que para o dia-a-dia é legal evitar excessos e optar por uma única peça de cor forte, seja na roupa, ou no uso do acessório: óculos, bijus e bolsas. Vale sempre citar a velha regra: cores claras aumentam o volume. “Devemos evitar peças que chamem atenção em lugares que queremos esconder”.

Os tons fluorescentes também estarão nos pés, combinados com pastilhas, e outras cores, como dourados ou brancos. “Entre as curingas aposto no roxo e no pink. Laranja, amarelo-gema, verde e azul também estarão em alta na próxima estação não só na moda, mas também na maquiagem”.

Cintos envernizados de plástico e acrílico, tachinhas nos acessórios, brincos super coloridos de plástico, faixas no cabelo e na cintura, collant, tecidos e couro metalizados, além do volume nos ombros e ainda o jogging (conjunto calça e jaqueta de plush), também são outros itens pincelados entre as coleções de verão.

Fotos-Bolsa-matelasse-pink-neon-com-alca-corrente-Espaco-Fashion-Bolsa-com-tachas-Agatha

Bolsa matelasse pink neon com alça correnteEspaço Fashion e Bolsa com tachasAgatha

Alguns elementos já se fazem presentes neste inverno, adaptados aos novos tempos. O moletom, por exemplo, que saiu da casa para as ruas nos anos 80, está em blusões, casacos e blazeres. Sem contar as famosas leggins, hit do sportwear e marca de Jane Fonda. E ainda as tachas douradas e acrobeadas (redondas, quadradas ou em forma de pirâmide), estilo rock-punk ou look mais fetichista.

Talvez seja uma prova de que o espírito pop ainda está vivo para muita gente, fashionistas, estilistas e pessoas com saudades daquela época considerada exagerada ou mesmo cafona para alguns, melhor dizer, tempos da criatividade sem limites.

Visto no Vila Mulher

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Comments ( 1 )

Tryon, Mormaii, Colcci, entre outras, apostam em versatilidade e funcionalidade

Mochila Mormaii

Mochila Mormaii

Mochlila Red Noise

Mochlila Red Noise

Para carregar pessoalidades como laptop, itens de estudo ou academia, o segmento de mochilas está cada vez mais vasto no Brasil. A seguir, acompanhe alguns lançamentos para a próxima estação.

“Rush”, da Tryon, é um dos lançamentos para o verão 2010. Além de um compartimento interno, o modelo tem bolsos laterais e um superior com saídas para fone de ouvido, facilitando a organização. Compacta, a mochila é apropriada para as diferentes atividades do dia-a-dia, apresentando combinações discretas, como prata com grafite ou cáqui com musgo.

Mochila Coolci

Mochila Colcci

Mochila Reserva

Mochila Reserva

A Red Noise está apostando tanto nas modelagens tradicionais quanto nas inovadoras, sempre mantendo sua proposta esportiva. Utilidades como compartimento para notebook, bolso especial para pertences molhados ou skate estão entre as funcionalidades oferecidas.

Também esportivas, mas menos urbanas, todas as mochilas Mormaii foram inspiradas no surf. Alguns modelos trazem bolso para notebook e há inclusive uma mochila especial para camping, na cor laranja. Em cores sóbrias, a maioria dos demais produtos pode ser usada tanto no clube como no escritório.

Voltada aos diferentes públicos jovens, a Risca focou-se tanto em quem gosta de uma aventura, quanto em quem prefere a tecnologia. A linha “Notebook” foi desenvolvida para levar aparatos tecnológicos, já que tem elástico amortecedor para as alças e muitos compartimentos. “Freestyle” e “Sportive” focam os esportistas, com estampas que parecem fotos de surf e skate .

Ao contrário das mochilas acima, produzidas pela Holly, a Colcci trouxe exemplares com bolsos destacáveis, presos por mosquetão. Nos mesmos tons terrosos de sua coleção, a mochila masculina utiliza cordas, fivelas e botões nos fechamentos.

Já a Reserva apresentou peças maiores, com diversos bolsos e uma versão com alça atravessada. Cores claras, às vezes com aspecto sujo, são misturadas com marrom ou outros tons escuros, tudo combinando com os tecidos leves e o xadrez discreto dos looks da marca para a estação .

Fonte: www.usefashion.com.br

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )

Fotos-v-del-sol-moda-praia-miami-2010-Decote-Engana-Mamae
Mesmo que algumas mulheres não gostem de usar o modelo para tomar sol, o decote engana-mamãe é o preferido de muitas grifes que desfilam sua moda praia na semana de Miami. Na imagem acima, o sutiã de cortininha é ligado à calcinha por um pano com apliques cor areia, do desfile da grife V del Sol.

Foto-v-del-sol-moda-praia-miami-2010-Decote-Engana-Mamae
Pedras e aros de metal dão glamour ao engana-mamãe da V del Sol

Fotos-semana-v-del-sol-moda-praia-miami-2010-Decote-Engana-Mamae

Estampa alegre em roxo e amarelo deixam o engana-mamãe bem divertido, na Semana de Moda Praia de Miami

Foto-semana-v-del-sol-moda-praia-miami-2010-Decote-Engana-Mamae

O engana-mamãe da V del Sol é feito de tecido plastificado, com argolas decorando os dois lados da calcinha

Visto na Abril

Tags: , , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )
Grandes marcas de roupas para cachorros do país mostram novidades.
Buldogues, chiuauas e poodles desfilaram modelos como maiôs e saias.
Buldogue aguarda seu momento de entrar na passarela (Foto Wally SantanaAP)

Buldogue aguarda seu momento de entrar na passarela (Foto Wally SantanaAP)

Até parece gente, figura esse Buldogue!!!!

Cães desfilam coleção de moda em Taipei, Taiwan. Durante o evento, grandes marcas de roupas para cachorro mostraram suas novidades nesta quarta-feira (15).
Entre os modelos, destacaram-se roupas de banho e saias.

Grandes marcas de roupas para cachorros do país mostram novidades.
Buldogues, chiuauas e poodles desfilaram modelos como maiôs e saias.

Foto-Chiuaua-desfila-modelo-de-saia

Chiuaua desfila modelo de saia (Foto Wally SantanaAP)

Cães desfilam coleção de moda em Taipei, Taiwan. Durante o evento, grandes marcas de roupas para cachorro mostraram suas novidades nesta quarta-feira (15). Entre os modelos, destacaram-se roupas de banho e saias.  (Foto Wally SantanaAP)

Visto do G1

Tags: , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )
Página 42 de 42« Primeira...102030...3839404142