moletom

 

Sorte da Juliana Jabour, estilista que construiu sua trajetória em cima dos símbolos do streetwear com roupagem girlie-deluxe! O desfile do inverno 2014 da estilista, que fechou este segundo dia de SPFW, foi baseado… no moletom e seus desdobramentos glamourosos!

 

Versões de manga curta, longa ou sem manga, com aplicações brilhosas, fios de lurex… o jeito show de combinar? Com as sainhas godês de patinadora, curtinhas, que, sim (oba!), continuam firmes e fortes! A ideia do conjuntinho segue firme, então, combine sem medo! A cartela de cores é neutra, chique, antifadiga: preta, branca e cinza-mescla, cor-vedete da temporada.

 

Fonte: GLAMOUR

Tags: , , , ,

Comments ( 0 )

tar2

 

Basta uma rápida olhada nas fotos de streetstyle da última temporada de moda internacional do eixo NY-Londres-Milão-Paris para perceber: um certo tartan, cujo fundo é branco as linhas são em vermelho e azul com aspecto lavado, roubou a cena nos looks das fashionistas cheias de estilo.

Trata-se de mais um hit da supercriativa Stella McCartney, que depois de emplacar seus vestidos de ilusão óptica e o modelo com franjas de sua coleção resort 2013 como queridinhos das celebridades, agora conquista  musas fashion com sua estampa invernal supercool. Ora em casacos compridos, ora em suéter felpudo, o print deu pinta também em maxibolsas usadas em conjunto com as peças anteriores e fazendo um mix da padronagem similar ao que despontou na passarela da marca. Match point!

tar1 tar3 tar4 tar5 tar7

 

 

Fonte: Vogue

Tags: , , , , , , , ,

Comments ( 0 )

amarelo
Mariana Ximenes posa com top (R$ 1.715) e saia (R$ 2.730) de tricô Coven (Foto: J.R. Duran)

Se você é uma das tantas mulheres que acham o amarelo lindo, mas torce o nariz na hora de sair vestida com ele, talvez seja este o verão em que seu preconceito vai cair por terra. É que nunca se viu tantos looks tingidos unicamente com a cor nas passarelas nacionais. E não se trata de uma blusinha aqui, um acessório ali. Será preciso respirar fundo e sair de amarelo da cabeça aos pés: assumir o look total e escolher acessórios da mesma cor, inclusive, deixa o visual mais contemporâneo.

amarelode
Daslu, Isabela Giobbi, Cris Barros e Mixed (Foto: Divulgação) (Foto: Divulgação)

O namoro da moda com a cor do sol começou no verão internacional que acaba de se encerrar, com a coleção da Alexander McQueen que tinha abelhas como tema. Mas foi só depois que ele começou a aparecer de maneira menos caricata nas passarelas de grifes como Dior e Valentino que as mulheres passaram a entender seu potencial de cor-desejo.

amarleo3
A coleção de abelhas de Alexander McQueen (à direita) deu o start na febre do amarelo (Foto: Divulgação)

“A brasileira morre de medo do amarelo sem saber que todas as cores possuem nuances
realçadoras, é só uma questão de adequar sua profundidade e intensidade com a coloração de pele, cabelo e olhos. Morenas, por exemplo, ficam bem de mostarda, enquanto peles claras e cabelos escuros pedem um tom mais vivo”, ensina a consultora de imagem Fernanda Doná. Boas opções não faltam nas lojas daqui, só não vale amarelar!

 

Fonte: VOGUE

Tags: , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )

Branco e cores suaves em uma atmosfera romântica e delicada ou sobreposições em clima noturno – e um tanto sexy, tudo no mesmo dia, durante a semana de moda de Paris.

1_9
Os iluminados Nina Ricci, Balmain e Balenciaga  (Foto: Imaxtree)

E Paris acordou hoje bipolar. Enquanto alguns estilistas apostaram na leveza de materiais (Peter Copping para Nina Ricci), numa atmosfera romântica e delicada (Alexander Wang na Balenciaga), evocaram o dia, com muito branco e cores suaves (Olivier Rousteing na Balmain), outros preferiram, digamos, pegar bem mais pesado.

Sobreposições de lamês escuros (lindas, por sinal) em clima noturno dominaram a passarela da Lanvin. Já Gareth Pugh investiu na imagem de uma mulher sexy, mundana e muito má, com as sobrancelhas levantadas.

E para completar, a belga Ann Demelemeusteer exibiu sobreposições desabadas – tudo preto – arrematadas por um chapéu misterioso, criando uma “entidade” fashion.

Fato é que anjo ou demônio, estarão bem servidos de looks lindos para a próxima estação. Seja para ir bonitinha para o céu ou arder nas labaredas do inferno.

2_6
Os sombrios Lanvin, Gareth Pugh e Ann Demelemeusteer (Foto: Imaxtree)

 

Fonte: GLAMOUR

Tags: , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )

A velha e boa camisa ganha status fashion na temporada de verão 2014. Isso porque vários estilistas resolveram deixar a modelagem curinga de lado e apostar em versões larguinhas e compridas. Foi o que fez Richard Chai Love, MM6 Maison Martin Margiela, Costello Tagliapietra, Holly Fulton, Christopher Kane, N.21, entre outros.

camisas1
Na passarela de Richard Chai Love muito volume, já na da MM6 a camisa cumpe o papel de vestido (Foto: ImaxTree)

Richard Chai Love – Jogo de comprimentos e volumes marca a produção: jaquetinha acolchoada + listras + saia midi fluida.
MM6 Maison Martin Margiela – Por cima da camisa-vestido, jaquetinha curtinha colorful para brincar com os comprimentos.

camisas2
Costello Tagliapietra, Holly Fulton e N. 21 foram outras marcas que apostaram na maxicamisa (Foto: ImaxTree)

Costello Tagliapietra – O estilista americano adotou uma das prints favoritas da temporada, o xadrez, em tecido bem fluido. Assim como Love, Costello também deixou a parte de baixo da camisa desabotoada
Holly Fulton – Clash de estampas e texturas para quem gosta de um bom drama
Christopher Kane – Minimalismo all white em um dos desfiles mais comentados da temporada
N. 21 – A aposta foi no vestido-camisa com bordados na barra: masculino x feminino. Quem ganha? Você, claro!

 

Fonte: GLAMOUR

Tags: , , , , , , ,

Comments ( 0 )

preto e branco é uma das aspostas das passarelas da Semana de Moda de Nova York verão 2014. Diesel Black Gold, BCBG Max Azria, Alexandre Herchcovitch, Lacoste e Victoria Beckham foram alguns dos desfiles onde esse duo de cores foi bastante explorado.

Aliado ao listrado, o P&B também apareceu com frequência nos fashionistas que compareceram ao evento. Marie Claire clicou quem passou por lá usando a combinação. Veja as fotos e inspire-se nos looks:

3_10
LIZA DARWIN, ESCRITORA: “O LISTRADO PRETO E BRANCO É UM CLÁSSICO. TODO MUNDO TEM QUE TER PELO MENOS UMA BLUSA ASSIM NO GUARDA-ROUPA” (FOTO: TIAGO CHEDIAK)

7_3DIANA MARKS, BLOGUEIRA: “PRETO E BRANCO É PERFEITO PARA QUALQUER OCASIÃO. É SEMPRE A MELHOR APOSTA”. A BOLSA QUE IMITA UM JORNAL É KATE SPADE E O VESTIDO CLUB MÔNACO (FOTO: TIAGO CHEDIAK)

5_6
ANDUENA NEZIRI, ESTUDANTE: “GOSTO DA COMBINAÇÃO DA LISTRA VERTICAL COM O PRETO E BRANCO PORQUE FICO ME SENTINDO MAIS ALTA E ESBELTA”. O VISUAL É COMPOSTO POR VESTIDO FOREVER 21. (FOTO: TIAGO CHEDIAK)

4_6
YUN GAO, ESTUDANTE: “PRETO E BRANCO NÃO TEM COMO ERRAR, MESMO QUE APARENTE EXTRAVAGANTE”. A BOLSA É YVES SAINT LAURENT. (FOTO: TIAGO CHEDIAK)

2_13
LOVELY PHILLIPS, FASHION STYLIST: “ESCOLHI O PRETO E BRANCO NA ESTAMPA GRÁFICA PORQUE ACHO QUE ESSA É A PRÓXIMA TENDÊNCIA”. O VESTIDO É MISS FINCH (FOTO: TIAGO CHEDIAK)

6_3
RACHEL EFFENDY, FOTÓGRAFA: “GOSTO DA IDEIA DA GEOMETRIA DAS LISTRAS ALIADA À ROUPA. E HOJE EU QUERIA DAR UM TEMPO DE CORES, ENTÃO FUI PARA O PRETO E BRANCO”. A SAIA É MOTEL ROCKS. (FOTO: TIAGO CHEDIAK)

1_13
KARIN MURAKAM, ESTUDANTE: “É MUITO FÁCIL COMBINAR PRETO E BRANCO E ACHO O LISTRADO DESCOLADO”. A BLUSA DE MANGA COMPRIDA É DA HOLLISTER. (FOTO: GETTY IMAGES)

 

 

Fonte: Marie Claire

Tags: , , , , , ,

Comments ( 0 )

Passada a maratona de desfiles da semana de moda de Londres, Silvia Rogar, redatora chefe da Vogue, aponta as 10 tendências que se destacaram nas passarelas – e que prometem chegar, em breve, ao seu guarda-roupa. Siga lendo e inspire-se neste guia do verão 2014 internacional.

tend1 (1)
A volta da bermuda: Emilia Wickstead; Jonathan Saunders; Mulberry e Topshop Unique (Foto: Getty Images)

 

A volta da bermuda
Os shorts, que reinaram absolutos nas últimas temporadas, estão com os dias contados: ao menos nas passarelas britânicas, a bermuda social roubou seu espaço nas coleções para o verão 2014.

tend2
Flores raras: Burberry; Erdem, Mary Katrantzou; Matthew Williamson (Foto: Getty Images)

Flores raras
Nas butiques londrinas, é sempre fácil identificar a chegada das coleções de verão: da noite para o dia, as flores passam a dominar as araras. Os desfiles para a próxima estação, porém, mostraram que os estilistas britânicos conseguiram fugir desta vez da mesmice, criando efeito 3D sobre as estampas, a exemplo de Mary Katrantzou e Matthew Williamson. Já Christopher Kane olhou para o tema de forma totalmente fresh, buscando inspiração no sistema reprodutor das flores – lembra o androceu e o gineceu das aulas de ciências na escola?

tend7
Efeito cintilante: Christopher Kane; Jonathan Saunders; Marques’ Almeida (Foto: Getty Images)

Efeito cintilante
No lugar dos metalizados, os tecidos surgem com brilho cintilante. O destaque é a versão furta-cor, aposta de Christopher Kane.

tend3
Pink flamingo: Preen by Thornton Bregazzi; J. JS Lee; Bora Aksu; Temperley (Foto: Getty Images)

Pink flamingo
Esqueça a Barbie e outras referências girlie: o rosa volta com força nesta temporada, tingindo peças com shape austero ou looks em estilo mulherão.

tend4
Quase longo: Erdem; Christopher Kane; Roksanda Ilincic; Lucas Nascimento (Foto: Getty Images)

Quase longo
O comprimento que desponta nas coleções vai um pouco além do médio: é a vez do vestido “quase longo”, que termina alguns centímetros acima do tornozelo – uma ideia serious chic!

tend9
Pé no chão: JW Anderson; Jonathan Saunders; Marios Schwab; Simone Rocha (Foto: Getty Images)

Pé no chão
Seguindo os passos de Céline e Osklen nas últimas estações, Jonathan Saunders, Mario Schwab e a brasileira Paula Gerbase, da 1205, trocaram o salto alto por modelos bem próximos do chão. A sandália de J.W. Anderson até lembra nosso Rider.

tend5
Plastificados: Felder Felder; Preen; Simone Rocha; Palmer//Harding (Foto: Getty Images)

Plastificados
Peças com plastic effect trazem toque esportivo ao look de verão e quebram o ar inocente dos tons pastel, como aconteceu nas coleções de Preen e Palmer/Harding.

tend8
Biker preciosa: Erdem; Antonio Berardi; Peter Pilotto (Foto: Getty Images)

Biker preciosa
Definitivamente, o casaco da temporada é uma jaqueta biker deluxe, com aplicações sobre o couro e acabamentos ultrassofisticados.

tend6
Suéter + saia: Antonio Berardi; Burberry; Christopher Kane; Erdem (Foto: Getty Images)

Suéter + saia
O look da vez é composto por suéter sobre saia. Uma das peças (faça sua escolha) precisa ser ultradecorada.

tend10
Pastel: Christopher Kane; Burberry; Mulberry; Preen (Foto: Getty Images)

Pastel
Os tons adocicados não vão dar trégua na moda e aparecem até em looks sexy e com linhas esportivas.

 

Fonte: VOGUE

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )

TECIDO QUE BRILHA 

brilho1

 

O brilho volta a fazer parte dos looks de verão tanto para o dia quanto para a noite. A novidade é que no lugar de aplicações de pedrarias, tachas e cristais, os tecidos assumem a identidade brilhante. Sedas e cetins reluzentes, ora lisos, ora estampados, lurex e sintéticos que imitam metais foram os reis das passarelas. Puro luxo!
SPORTSWEAR
calcas1

 

Nem pense na roupa de academia. As produções esportivas passam longe da malhação e aparecem em tecidos tecnológicos, cores vibrantes, brilho (por que não?), em versões bem preppy e até mesmo sexy por causa dos microcomprimentos e modelagens justas ao corpo.
TRANSPARÊNCIA LOCALIZADA
transparencia

Um pedacinho aqui, outro acolá… a transparência não faz grandes revelações. A graça está justamente aí. São pequenos recortes e detalhes que expõem parte da pele em um jogo pra lá de interessante de mostra-esconde. A escolha dos estilistas é estratégica e muitas vezes zero óbvias, como fez BCBG.
CINTOS LARGOS
cinto

Depois da febre dos cintos fininhos marcando a silhueta, agora o acessório ganha importância e protagonismo. Eles aparecem largos, deslocados na cintura ou marcados, bem 50’s. O acabamento tem para todas: com a ponta solta, com um nozinho virado para baixo e até a verão certinha dentro do passante.
 

CALÇAS AMPLAS
calcas1

Elas são fluidas, larguinhas e compriiiidas que os pés até somem de cena (tem que usar com salto alto). Mas também tem a versão curta que termina na altura das panturrilhas, as pantalonas cropped.  A palavra de ordem é conforto com doses cavalares de sofisticação.

 

 

Fonte: GLAMOUR

Tags: , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )

untitled-38_copy

O closet de muitas fashionistas ganhou um plus no quesito streetwear nesta temporada: entre Louboutins e Jimmy Choos, há Vans, DCs e All Stars; os bordados Valentino agora dividem espaço com t-shirts descoladas e shortinhos jeans rasgado; e, no canto – denunciando o motivo de tanta casualidade – há skates com shapes decorados com desenhos de caveiras, pop art ou até grifados. Estas são as mulheres que trocaram o shopping pelas ruas a fim de passar as horas livres sobre um skate – de preferência em turma e com dress code apropriado.

skate08

A escolha do look:
Conforto é palavra de ordem na hora de eleger a produção certa para a atividade que exige bastante movimento. “Não tem erro: t-shirt ou regata, shorts e tênis é o uniforme perfeito”, aponta a atriz Thaila Ayala, que comprou seu primeiro skate aos nove anos de idade. “Se estou no Rio, às vezes ando de chinelo ou até descalça”.

Para as iniciantes, além de capacete e joelheiras, a dica é investir em moletons, cardigãs e camisas, para proteger ainda mais a pele de possíveis acidentes. Entre as marcas queridinhas estão Vans, DC, Nike e Adidas.

skate10

Deixe a vaidade para fora da marquise:
Esqueça maquiagens exageradas ou penteados elaborados. No nécessaire da skater-girl há apenas espaço para o hidratante, filtro solar (sempre!) e lip balm. Para as mulheres que não vivem sem blush, as versões cremosas, que deixam um efeito natural, são os mais indicados; e, se for de rímel, aposte nos waterproof. Já para as madeixas, quanto mais natural, melhor. “Se estiver ventando, eu prendo em um rabo alto ou coque ou coloco um boné. Cabelo na cara não rola”, sugere Thaila.

“Sempre fui fascinada por skate, mas nunca tive aquele estalo pra começar, sabe? No começo deste ano me deu vontade. Comprei um longboad e fiz do hobby parte da minha rotina”, comenta Renata Sarti, um dos nomes por trás da grife Lilly Sarti, e neorepresentante fashion da skatemania, cuja lista já inclui Thaila AyalaHanneli Mustaparta e até a top Candice Swanepoel. Vogue investiga o fenômeno com um dossiê completo para quem quer ingressar agora na modalidade cool. Siga lendo.

skate07

Primeiros socorros à vista:
Prepare-se para adicionar cicatrizes e machucados espalhados pelo corpo. Cair – e ralar muito – é natural. “Tenho mais de sete cicatrizes por conta de mini acidentes no skate ao longo dos anos. No joelho, no cotovelo… Mas hoje em dia, procuro andar mais tranquilamente e não faço muito manobras”, comentou Thaila.

skate06

Go shopping!
A Galeria Ouro Fino, nos Jardins, reúne diversas lojas experts em skate, em São Paulo. Vá na Old is Cool para adquirir um modelo personalizado: você pode escolher marca (como Loaded ou Santa Cruz), o desenho do shape e o o rolamento. Como cada modalidade – freestyle, street, vertical ou downhill – pede um shape específico, peça ajuda ao vendedor. O longboard é ideal para as iniciantes: “é mais fácil para aprender”, opina Renata.

skate6b

Spots para praticar:
A marquise, no parque Ibirapuera, é o local preferido das fashionistas paulistanas para andar de skate. “O chão é impecável, o lugar lindo e tenho a possibilidade de dar voltas no parque também”, aponta Renata. Outra sugestão: o estacionamento do Pacaembú. Para as cariocas, a orla continua sendo a melhor opção. Preparadas? (RENATA GARCIA)

skate11

Em tempo: nos próximos dias 30 e 31.08, e 07.09 e 08.09, Camila Borba e o skater Roger Mancha organizam a segunda temporada do #forfun All Made For Girls, um curso de skate para mulheres em São Paulo. No período, as inscritas terão paletras sobre o skate na moda, cinema, publicidade, música, além deaulas práticas para iniciar na modalidade. Saiba como particiar no site oficial. www.forfungirlskate.com .

skate09

 

Fonte: VOGUE

 

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )

As slashed skirts, ou ‘saias fatiadas’, apareceram o suficiente em semanas de moda internacionais para afirmarmos que, sim, o modelo é uma tendência. E, melhor, pode sair das passarelas direto para as ruas.

É mais do que uma fenda lateral; são várias. Partindo da cintura ou de um pouco abaixo dela, as tiras de tecido, largas ou estreitas, deixam menos à mostra do que o modelo clássico, com um único corte lateral, comumente visto no tapete vermelho. Isso, graças à sobreposições de ‘fatias’.

O modelo foi apresentado em peças midi. Em longas, provavelmente, seria comparada àquela fantasia de odalisca. Ainda bem, não foi o caso. É elegante e, parece, bem confortável. Confira:

saias_620
A Maison Rabih Kayrouz, do estilista libanês que dá nome à marca, desfilou alguns modelos de slashed skirts na coleção outono-inverno 2013 / Fotos: Reprodução/Maison Rabih Kayrouz

As túnicas também ganharam versão slashed. Para as menos ousadas, a transparência entre as ‘tiras’ deixam as pernas à mostra, mas vestidas.

tunicas_620
As túnicas também ganharam versões slashed. E as grifes Marni, Thakoon e Maison Rabih Kayrouz adotaram o modelo na coleção outono-inverno / Fotos: AP Images, Reprodução/Thakoon e Reprodução/Maison Rabih Kayrouz

 

Fonte: GNT

Tags: , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )
Página 2 de 1112345...10...Última »