Fotos-imagens-Tom-Ford-EstilistaO estilista Tom Ford fez um desabafo à revista americana “The Advocate” sobre os tempos difíceis que viveu quando foi diretor criativo da YSL. Em entrevista para divulgar seu filme, “A single man”, ele falou, pela primeira vez, sobre a experiência de trabalhar com Yves Saint Laurent.

– Ele era uma pessoa – disse Tom Ford, que começou o trabalho na YSL em 2000 – e recebeu muitos elogios na época.

– A marca cresceu enquanto eu estava lá, mas para mim foi uma experiência negativa.

O estilista, que chegou a comparar Saint Laurent a policiais nazistas, ainda afirmou:

-Yves e seu parceiro, Pierre Bergé, eram muito difíceis e maus, faziam da minha vida uma miséria. Nunca falei sobre isso publicamente, mas foi um momento terrível da minha vida. Yves Saint Laurent não existe para mim.

Ele contou ainda que guarda cartas de Saint Laurent que são tão “más” que seria impossível acreditar que são verdadeiras. Tom Ford acredita que o estilista francês tinha ciúmes do sucesso que Ford trouxe para a marca.

– Éramos amigos antes de eu assumir a companhia. Mas então a empresa começou a crescer e ter muito sucesso… Ele simplesmente se tornou insanamente ciumento… aquela fase da minha vida não existe mais.

Visto no O Globo

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , ,

Leave a Reply