Fotos-Geisy-Arruda-vestido-rosa-vermelho-curto-foto-saia-UNIBAN-aluna-universitaria-jovemA tentativa de expulsão da aluna Geisy Arruda da Uniban de São Bernardo, divulgada no fim de semana pela instituição educacional e revogada nesta segunda-feira pelo reitor Heitor Pinto Filho (depois da repercussão mundial negativa), coloca à prova todas as conquistas femininas perseguidas e conquistadas desde sempre e até agora. E vai contra o rumo da história, seja social seja da moda. A quarentona minissaia é tendência atualíssima. Os últimos desfiles nas principais capitais mundiais – leia-se Nova York, Londres, Milão e Paris – trouxeram vestidos e saias curtos, curtíssimos.

O vestido curto usado por Geisy, resgatado da moda dos anos 1980, com a barra mais apertada, como um cós canelado, e manga que promove um certo drapeado afunilando no punho, pode não traduzir o máximo da elegância. E, sim era curto, bem curto. A tentativa de expulsão, com a justificativa de que foi “constatada atitude provocativa da aluna, que buscou chamar a atenção para si por conta de gestos e modos de se expressar”, é negar toda uma história construída com lutas e mais lutas.

Ok, houve o “arrependimento” da escola, mas o estrago já estava feito. Uma universidade expressar essa opinião é muito grave. Se a moça tivesse sido estuprada a culpa, então, era dela e não do estuprador? Ele teria sido seduzido pelas suas lindas pernas e não teria culpa de nada? Geisy não estava num templo religioso, em que algumas regras pedem para ser cumpridas. E quem tem um pouco de memória, até mesmo os alunos enfurecidos que queriam “estuprá-la“, podem recorrer aos álbuns de família dos casamentos ocorridos nos anos 1960 e 1970. Com certeza, eles vão encontrar lá vestidos até mais curtos que o de Geizy, usados nas igrejas, por pessoas de várias idades. Há cerca de 45 anos, quando a minissaia entrou definitivamente na moda para alcançar as faixas até mais conservadoras da sociedade de então, viu-se que o poder dos jovens tinha chegado para ficar.

Fotos-Vestidos-Curtos-minissaias-dominam-tendencias-para-o-verao-2010

Vestidos curtos dominam tendências para o verão 2010

Se antes, os mais velhos ditavam moda, nos anos 1960, a exposição das pernas com sua principal modelo – Twiggy – traduziu um ar jovial às necessidades sociais. Eram os jovens que assumiam definitivamente as mudanças da sociedade, seja pelos movimentos estudantis, como o Maio de 68 francês, seja pelos festivais de música, à la Woodstock , regado a LSD, heroína, cocaína e uma liberdade sexual jamais vista. As pílulas anticoncepcionais começaram a ser usadas livremente. As mulheres tinham liberdade de mostrar o corpo, assim como os homens. O visual andrógino vingava no mundo musical. Certos ou errados, eles imprimiam uma nova forma de encarar o mundo.

Foto-Vestidos-Curtos-minissaias-dominam-tendencias-para-o-verao-2010

Vestidos curtos dominam tendências para o verão 2010

Poder
Mais de quatro décadas depois, o poder do vestido curto mantém-se inalterado. Não fosse assim, a coleção Giorgio Armani para o verão 2010, apresentada em Milão setembro último, não teria sido, de cabo a rabo, com peças curtas, sim, muito curtas. Até mesmo os looks de festa, com brilhos e paetês. É porém, temerário pensar que peças assim causem reações tão contrárias e conservadoras em vários níveis.

Foto-Vestido-Curtos-minissaias-dominam-tendencias-para-o-verao-2010

Vestidos curtos dominam tendências para o verão 2010

A atual liberdade de exibição do corpo mostrada nas passarelas – junto com os curtos, a estação pede ainda transparências, decotes, fendas e até mesmo a lingerie como peças-chave – gerou severos comentários de críticas de moda, como a respeitada e temida inglesa Suzy Menkes, do Herald Tribune. Ela escreveu que os desfiles de Milão mostram peças ideais para serem usadas nas festas promovidas pelo primeiro-ministro Silvio Berlusconi, envolvido em escândalos sexuais com garotas até menores de idade. No lado oposto do Atlântico, por conta de um vestido curto, os alunos da Uniban deram um verdadeiro espetáculo medieval, transmitido com o que é de mais moderno deste terceiro milênio: vídeos por celulares e internet.

Fotos-Vestidos-Curto-minissaias-dominam-tendencias-para-o-verao-2010

Vestidos curtos dominam tendências para o verão 2010

Estamos no fim da primeira década do século XXI. Não mais na Idade Média, em que as mulheres tidas como bruxas eram queimadas na fogueira da Inquisição. Mas vivemos numa sociedade em que o homem, infelizmente, ainda tem medo de que a mulher expresse sua sensualidade e sexualidade sem que eles tenham o domínio dessa atitude, sendo atingidos no seu orgulho de macho. Sim, muitos homens, infelizmente, ainda temem o poder sexual da mulher. É o sexo feminino que procria, que tem o direito de escolher quem vai ser o pai de seus filhos e de engravidar de quem quiser, com um simples chamado sedutor.

Algumas religiões, que se apropriaram e mudaram há séculos os rituais tidos como pagãos, em que a força feminina não era colocada em julgamento, mas tida como sagrada, também têm sua culpa. Assim como as mães que criam os filhos homens com o viés machista. Assim como os homens que querem as mulheres em casa para cozinhar e lavar. O pior é que mesmo alunas mulheres condenaram a roupa de Geisy, traçando um paralelo com os comentários de Menkes. Se nossos jovens – e alguns formadores de opinião – pensam assim, o que será das gerações futuras?

Será que teremos de chegar ao extremo de queimar sutiãs de novo e usar ombreiras monstruosas para provar que a mulher pode ser responsável pela roupa que escolhe para ir e vir e pelo seu destino. Geisy optou por usar aquele vestido. E daí? Democracia e gosto pessoal não se discutem. Mas podemos sim refletir sobre o episódio da turba maluca, da tentativa de expulsão e das nossas liberdades. Que o legado de Andrés Courrèges e Mary Quant, responsáveis cada um a seu jeito pela minissaia, não tenha sido em vão. E que as conquistas femininas, e por conseqüência, sociais, não sejam jogadas no lixo do reacionarismo e do conservadorismo mais profundo.

Fonte Moda Terra

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

12 Comentários no artigo “Moda: Vestidos curtos tendência 2010 – Caso Geisy Arruda – Episódio aluna da UNIBAN nega avanços sociais, condenando a minissaia”

  1. Rafael disse:

    Olha, li a Matéria de vcs, e particularmente, acho que tudo tem seu momento ….
    Vc, realmente acha que é adequado ir a uma facudade, com um microvestido?
    e onde ficam os bons costumes?

    O mundo da moda em uma passarela, é amplamente diferenciado do real!
    os estilos mais estravagantes, inovadores, esdruxolos!

    Há sim uma grande conquista da mulher, por décadas temos notado isso !
    Mas, todos sabemos, que em um lugar publico não terá apenas mulheres, ou mesmo , pessoas que aceitem novas tendencias, sequer aprovem tais atitudes, como pudemos perceber nesse episódio.

    O nosso país não proibe, nem censura , mas se uma pessoa esta disposta a usar um determinado estilo de roupa , como a supracitada, então a mesma pessoa deve estar apta a receber Elogios e Criticas!

    A Expulsão da garota não é a atitude correta, mas a desaprovação do modo de vestir é uma opção da estituição de ensino.

    Vale a pena Ressaltar que, não é uma questão de MEDO do homem , pois até mesmo mulheres não aprovam … como foi dito no texto acima…

    Para concluir , so tenho a dizer, que discussões sobre o tema, vulgaridade, estilo, moda, costumes, moral , principios, … estará sempre presente na sociedade, todos pensam de formas diferentes…. De acordo com a criação havera um certo modo de pensar, agir e falar.

    estou disposto a responder a criticas diante ao meu comentario, obrigado!

  2. Rafael,
    Não é exdruxolo, é exdrúxulo, querido! A “estituição” de ensino, se fosse uma instituição séria e politicamente correta, estaria mais preocupada em ensinar aos seus alunos lições básica de cidadania, e não estaria preocupada em punir uma aluna que foi vítima da histeria coletiva de trogloditas mal educados, que demonstraram não entender nada sobre o mundo e muito menos sobre a vida!

  3. lambert disse:

    Oba! Então a mulherada vai arrazar usanda camisolas rosa com mangas longas presas a roupa?????? vai ser divertido.

  4. micaella mariare de passos disse:

    oi geisy sou fa dos teus vestido e gostaria de ver algum dia ver a colecao com voce beijos te adorao e espere que comsiga um namorado bem bacana por tu merece beijos te adorao muito…..

  5. maristela rodrigues disse:

    oi geisy arruda sou enpresaria,quero saber como eu posso faser para trabalhar com teusvestidos estou enteresada tenhoenpresa no rs uruguaina assim vc le meurecado por gente lezaresponda-me

  6. derlane disse:

    esse vestidoo da geisy ta morto de brega..gostei não!

  7. vivien ingrid disse:

    oriivel esse negocio da geisy , sem nossao até umas horas 😀

  8. vivien ingrid disse:

    ela é ……… >:@

  9. reginamarameira disse:

    amo tudo isso arrasou

  10. nielly bezerra disse:

    lindos perfeitos…

  11. Maria garse disse:

    Hola felicidades por la pagina, se que la información contenida en ella me ayuda mucho y ayuda a muchos otros en sus vidas, siempre necesitamos de momentos de esparcimiento que nos hagan olvidarnos de la rutina, un cordial saludo de ideax .

Leave a Reply