jaquetajeans-hominha

uem nunca teve uma clássica jaqueta jeans? Ela é um dos curingas mais poderosos do armário. Serve para todas as estações e possui vários shapes e detalhes diferenciados. Se você ainda não aderiu a esse ícone da moda, editora da Marie Claire Mari Di Pilla indica qual modelo melhor para você usar!

CLÁSSICA

classica-v

De shape larguinho, mas não grande demais, a jaqueta jeans clássica é a única que talvez, de fato, fique no seu guarda-roupa a vida toda. Por ser atemporal, vale o investimento.

OVERSIZED

overv

Os modelos oversized, porém “limpos” (sem lavagens e rasgados) têm a mesma função do shape clássico para as mais modernas. Dá para combinar com uma calça denim de lavagem diferente, calça amplas com tênis… são inúmeras as possibilidades! Até com um vestido longo em uma festa mais cool ela funciona.

TRABALHADA

rasgos

Já aquelas mais trabalhadas, com rasgos, estampas e zíper grosso, funcionam no conjuntinho de calça do mesmo tom para não chamar tanta atenção ou peças que contrastem.

Bordada

patchs

Sem dúvida, a jaqueta com patches e bordados é a peça do momento. Mas atenção: tudo o que chegar com muita força na moda, vai embora com aquela sensação de “enjoei”. Neste caso, prefira as fast fashion às marcas mais caras.

ESTRUTURADA

balmain

Meio Gucci no fim da era Frida Giannini, meio Balmain, as jaquetas que mais parecem um blazer estruturado com ombreiras são boa opção para quem já tem um modelo mais clássico. Ela é muito mais fashion, mas também superfeminina.

 

Fonte: Marie Claire

 

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )