A começar pela sapatilha da Valentino que promete ser a it-flat da temporada, o balé inspira e traz delicadeza à moda nesta estação.

img_7545

Un, deux, trois; un, deux, trois… A contagem em francês que dá o ritmo das aulas de balé promete reger também o closet das fashionistas nesta temporada, graças a grifes que elegeram a delicadeza da dança como o statement da vez na moda. Collants, tutus e produções leves tingidas de tons de nude e rosa invadiram as coleções internacionais para o inverno 2016/17, em looks que exploram também as interessantes sobreposições feitas pelas bailarinas a caminho dos ensaios, com seus casaquetos e leggings.

Enquanto Bill Gaytten, à frente da John Galliano, combinou saias de tule com casacos militares e botas que pareciam saídas de um ringue de boxe, Carolina Herrera enxugou a silhueta clássica do balé, apostando em vestidos lânguidos de organza plissados e enfeitados com bordados high-tech.

Mas vem da Valentino o acessório hit para incorporar à tendência: uma sapatilha de couro disponível nas versões preta e nude (já à venda nas quatro lojas brasileiras da marca) que se inspira no modelo utilizado nas aulas e vem decorada com os spikes característicos dos acessórios da grife italiana. Pontuando 18 looks do desfile de inverno da marca, que aconteceu ao som de John Cage e Philip Glass, tocados ao vivo por um pianista, a peça não faz bonito apenas combinada aos belos vestidos festivos inspirados nos balés russos que cruzaram a passarela: a sapatilha deluxe, que promete ser o flat-desejo da vez, traz delicadeza e elegância também aos passos do dia a dia.

desfilesA partir da esquerda, looks da Bottega Veneta, Carolina Herrera, John Galliano e Max Mara (fotos: divulgação)

Fonte: Vogue

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )

Os desfiles internacionais mostram que agora é a hora de apostar nas novas texturas floridas – mais modernas e menos delicadas.

A estampa florida sempre foi sinônima de feminilidade e delicadeza, geralmente acompanhada de cores suaves e modelagens fluídas. Porém, como mostra os desfiles da última temporada de moda, o floral volta às passarelas com um toque bem mais moderno. Desfiles como Christian Dior, Rodarte e Gucci apostaram em estampas que remetem à flora, mas não daquele jeito óbvio de sempre; desta vez, o florido aparece mais conceitual e dark.

floral-dior-620

Para Dior, o florido apareceu quase em forma de pintura, onde fica até difícil reconhecer que a estampa trata sim de grandes flores azuis e pretas. No segundo look, o florido abstrato acontece em forma de bordado em cima de um vestidinho preto ajustado. Em ambas as produções, vemos como o floral ficou com um aspecto mais moderno e conceitual.

A Rodarte também apostou bastante neste tema, com flores até nos cabelos das modelos. Na roupa em si, o florido se mistura com tecidos mais pesados, formando composições que mesclam texturas como a renda e o bordado.

O styling da produção também pode ajudar a tornar o florido de sempre em uma peça importante e diferente. Como visto no desfile da Rochas, o vestido de alcinha florido – que sozinho poderia ficar delicado demais – é combinado com uma camisa e sandálias pesadas.

Uma maneira fácil de desestruturar a estampa florida e deixar ela mais contemporânea, é apostar em tons mais escuros e em desenhos onde as flores sejam menos óbvias. Para combinar, aposte em sandálias e acessórios mais pesados.

floral-07 floral-06 floral-05 floral-04 floral-03 floral-02 floral-01

Fonte: GNT

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )