Que tal começar 2017 com o pé direito e looks lindos de morrer? Para você inciar este ano com tudo e cheia de estilo, nós fizemos uma seleção SUPER especial com 15 looks incríveis e infalíveis que você pode e deve experimentar. Tem para todos os gostos e estilos e a gente garante que você vai poder usá-los o ano todo. Então aproveite para injetar uma dose a mais de estilo no seu começo de semana e de ano com essas produções de cair o queixo que você vai querer copiar pra ontem:

 

Fonte: Moda It

Tags: , , ,

Comments ( 0 )

Já pode atualizar o seu closet, miga! A Pantone acaba de divulgar que “A” cor de 2017 será o verde Greenery, aka verde abacate. Em comunicado, a instituição reforça a “necessidade de esperança” que o mundo precisa no próximo ano.

“Nós sabemos que tipo de mundo estamos vivendo: um que é muito estressante e muito tenso”, contou Leatrice Eiseman, diretora executiva de Pantone, em entrevista ao New York Times. “Esta é a cor da esperança e da nossa conexão com a natureza. Ela fala para o que chamamos de regenerar, atualizar, revitalizar e renovar.”

E,apesar do anúncio de que a cor será hit em 2017, o verde Greenery já tem sido visto nas passarelas há um bom tempo, confirmando a tendência. Neste guichê, maneiras incrís de como apostar no tom nos próximos doze meses. Vem ver:

Na  semana de moda de Paris, temporada primavera 2017, a cor apareceu em um mix esperto de estampas florais, como é o caso desse conjuntinho cropped + calça. Alerta de tendência confirmada na passarela: barriga de fora – tão anos 90! – estará com tudo, tá?

A coleção da Kenzo em parceria com a H&M também apostou na cor em seu desfile na semana de moda de Nova York. Dica: opte no color block e mescle o verde com outras tonalidades. Viu como o combo Greenery + laranja ficou um arraso?

Mais color block: o amarelo é outra ótima opção para fazer um mix de cores vivas com o verde. Partiu copiar esse combo vestido com ares de camisa + bota da Pucci?

Olha o slip dress confirmando que permanecerá no guarda-roupa das fashionistas em 2017. Obrigada, Sies Marjan!

Misturar diferentes tonalidades do verde também é uma escolha esperta, viu!? A Gucci apostou na cor mesclando tecidos e tons durante a semana de moda de Milão: jaqueta bomber + calça de seda. Vale copiar!

 

Fonte: Glamour

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )

alem-das-ferias-2_vnx2lht

Tendência já nas ruas, a camisa de algodão que é sinônimo do dia a dia segue desconstruída em modelagens inusitadas, shapes alongados e assimétricos, repletas de volumes e amarrações.

Vogue mostra ao longo desta página uma seleção de peças nacionais e internacionais para a sua lista de desejo do verão 2017. Escolha o seu estilo!

camisas-assimetricas-1_j4nrobv1. Viktor & Rolf (R$ 2.760); 2. 3.1 Phillip Lim (R$ 2.760); 3. Uma (R$ 498); 4. MSGM (R$ 1.305); 5. Elaidi (R$ 2.400) (Foto: Reprodução)

camisas-assimetricas-2_ca1rbuz1. Ann Demeulemeester (R$ 4.700); 2. Loewe (R$ 6.780); 3, Maques’Almeida (R$ 2.970); 4. Lost and Found Rooms (R$ 2.160) (Foto: Reprodução)

Fonte: Vogue

Tags: , , , , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )

sobreviventes-abre_-_copia

Foi-se o tempo em que a regra era renovar completamente o guarda-roupa a cada estação. Quer seja por maior consciência em relação ao consumo ou seguindo a máxima “não se mexe em time que está ganhando”, as it-girls e fashionistas seguem apostando em alguns truques de styling, modelagens e acessórios há pelo menos três temporadas. Veja nossa seleção de tendências sobreviventes:

sobreviventes-1

1. Denim on denim
A sobreposição de tons e texturas de jeans continua forte, para a alegria das mulheres que colocam a praticidade acima de tudo no visual. Experimente conjuntinhos combinados para um look mais clássico ou se entregue de vez ao contraste de lavagens para modernizar.

sobreviventes-2

2. Choker
As coleiras e gargantilhas que faziam a festa nos anos 90 voltaram à moda com o revival da década, desta vez com o nome “importado” de choker. Diferente de reviver literalmente as peças – como as saudosas de estilo tattoo e os cordões de veludo –, opte pelos modelos que usam materiais diferentes, como metais de banhos variados e pedras e cristais.

sobreviventes-3

3. Metalizados
Para o dia ou para a noite, o guarda-roupas segue pegando emprestado o brilho dos metais preciosos. Democrática, a tendência funciona do escritório à festa: basta trocar o tailleur com fios de lurex pelo longo de paetês.

sobreviventes-4

4. Minibags
Nada de grandes sacolas cheias de cacarecos: a fashionista contemporânea precisa de muito pouco para enfrentar a série de rendez-vous do seu dia a dia, e as dimensões da bolsa acompanham esta tendência. Caso você não seja tão econômica nos seus pertences, experimente combinar duas bolsas no mesmo look.

Fonte: Vogue

Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )

salada-mista-1

Ao misturar roupas estampadas com acessórios que mimetizam as formas das frutas, mantenha a mesma cartela de cores para garantir a harmonia do visual.

Confira ao longo desta página uma seleção de roupas e acessórios que são pefeitos para esta tendência quente do verão 2017.

salada-mista-2

1. Mormaii Original R$ 198 2. João Sebastião R$ 338 3. Fátima Scofield R$ 948 4. Dolce &Gabbana R$ 10.900 5. Loft 747 R$ 401 6. Farm R$ 498 (Foto: Robert Astley-sparke/Arquivo Glamour e Rafael Evangelista (Stills))

Fonte: Vogue

Tags: , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )

gigi-hadid

Ei, não é só no guichê batom que o nude está brilhando, viu? Looks monocromáticos em nuances de marrom e bege são tendência de street style. Prova disso é a Gigi Hadid arrasando no ton sur ton no clique acima. Bônus: salto nude alonga o corpo, ainda tem essa!

nova-york

Já no street style tem blogueira VIP vestindo o modismo, de Kristina Bazan a Aimee Song, do blog Song of Style. Enquanto a primeira investiu a fundo no monocromático, Aimee misturou tons terrosos. Os dois são cool!

aimee-song

Abaixo, uma fashionista clicada em Milão acrescentou um bocão vinho pra dar o efeito “pah” no look. Lindo!

milao

Em Londres, nada mais tradicional que um belo trench coat!

londres

Dica de it-peça: Aimee Song e a fashionista acima investiram em botas de cano médio, sucesso absoluto nas últimas temporadas de moda. Curte?

Fonte: Glamour

Tags: , , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )

A clássica calça pantalona acaba de receber um toque de anos 70 (alô, bocas de sino) + uma pitada 2017 (oversized style) e aparece em alta, dessa vez em tamanhos GG, no guarda-roupa das fashionistas. Dica: vai do fim de semana para o trabalho sem dramas. Inspirações neste guichê!

new_york_str_c_rs17_59029

Dica: dá pra combinar a pantalona com um top cropped igualmente extra large, viu!? O truque aqui é apostar em uma calça de cintura alta e deixar a blusa por dentro – ou escolher um top mais curto e colocar a barriga pra jogo. Tendência! Também dá pra usar a calça mais larga com blusas de um ombro só ou regatinhas. Ideal pro fim de semana.

paris_str_rs17_3839

Alerta: a superpantalona neutra é chique e dá pra usá-la em looks monocromáticos – dando a impressão de macacão, como no clique acima – e também fazendo contraponto com outras cores. Não quer ousar tanto? Aposte em um top de cor neutra com uma calça de cor mais forte – se a peça for em versão esportiva então…

paris_str_rs17_0945

Se  dá pra usar a pantalona no trabalho? Óbvio! Aposte em tecidos nobres e/ou estruturados e combine com blusas de tecidos finos. A camisa assimétrica também é uma boa opção pro escritório, tá? Dá uma olhada no look abaixo:

new_york_str_c_rs17_50084

 

Fonte: GLAMOUR

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )

escape-luxuoso-box

Batizadas de resort ou cruise, as pré-coleções que chegam às lojas em novembro mostram claramente que não tratam mais de roupas que, como indicava o nome, você levaria nas férias, para algum lugar ensolarado do planeta, a bordo de um iate.

Hoje, as marcas mais prestigiosas, pressionadas pela velocidade dos lançamentos – especialmente do fast-fashion e dos e commerces – também aceleram sua produção para seduzir um público que quer apenas renovar o closet.

escape-luxuoso-nota_1

Nesta temporada, cores, formas e estampas, além de muita atitude, sugerem inovação e alguma diversão, mostrando criações de apelo global, mas também em sintonia com as distantes locações escolhidas para seus desfiles, autênticas experiências de escapismo de alto nível para um número reduzido de jornalistas e convidados. Afinal, como já dizia Freud, um pouco de fantasia é elemento indispensável para tornar a vida mais agradável.

escape-luxuoso-nota_2

Assim, a comentada apresentação da Chanel em Havana (Cuba), toda a pompa da Louis Vuitton em Niterói, no Rio, e os cenários nobres da Dior e da Gucci, em Londres, se afastam do cotidiano tedioso (mesmo que não se parta de férias) para disponibilizar roupas que servem tanto para altas temperaturas quanto para qualquer friozinho de ocasião, o que inclui até casaco de pele em desfile.

O exotismo ou o luxo tradicionalista, no caso das apresentações londrinas, acrescentam lustro e interesse aos looks, já que essa é uma temporada que mais confirma do que lança tendências.

escape-luxuoso-nota_3

A mais escapista de que se tem notícia, a década de 70 é resgatada de maneira homeopática, longe da original, com influência de formas radicais e cores saturadas dos anos 80 e 90. Hoje, sabemos, qualquer época na moda é resultado de uma colagem de outras, num exercício cada vez mais intenso de crossing e copy/paste. No resort 2017, nota-se a recuperação do artesanal dos anos 70, que valoriza o que parece ser único, interpretado para o novo milênio.

escape-luxuoso-nota_4

Sempre associados a exuberâncias convencionais, os babados estão de volta, desta vez assumindo ares destemidos, colocando-se nos lugares mais inesperados ou tomando conta da roupa de maneira totalitária.

O crochê também surpreende, ganhando modernidade graças à tecnologia têxtil, e surge em novos contextos para reafirmar sua vocação para o ultrafeminino e o escape. Já a opulência e o vigor da flora tropical dominam até mesmo as coleções das mais poderosas maisons.

escape-luxuoso-nota_5

Camisetas com logo explícito também reaparecem, com os designers estampando na t-shirt sua assinatura para torná-la a mais simples das peças de manifesto de marca. Enquanto isso, o athleisure, que é a tendência de usar no dia a dia as roupas feitas para atividades esportivas, é uma atitude contemporânea – e também tem lá seu espírito escapista ao sugerir recreação no cotidiano.

A moda se apropria desse costume, tornando-o tendência com modelagens originárias das academias e quadras, detalhes como listras nas laterais de shorts e calças ou ainda de forma desconstruída, como fez Nicolas Ghesquière na Louis Vuitton.

O resort 2017 nada tem de discreto: além de seu flerte com o escapismo, parece ter entrado com entusiasmo na era do Instagram e das redes sociais em geral, que privilegia a linguagem extrovertida, ofuscante e extravagante de imagens fortes.

 

Fonte: Vogue

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )

nova-york-3
Nem as peças clássicas estão imunes às tendências da moda! No caso, a camisa azul, em versão lisa ou listrada, que ganhou babados mil. Inspire-se no olhar fashion de várias cool girls do mundo e saiba como usar:

milao

 

Aqui, a peça leve e feminina ganha toque descolado graças ao jeans rasgado com aplicações. Outra tendência à vista é o salto com penduricalho. Aposte!
milao-3
Já neste guichê, alfaiataria moderna. Não tem nada mais elegante e atual do que vestir calça de tecido com boca larga e camisa tradicional versão desconstruída. Viu os babados nas mangas?

nova-york-2

Sobreposição também rola, viu? E olha só como essa fashionista é ousada: inverteu a ordem do look, casaco por baixo de camisa, em vez do contrário.

nova-york

Por fim, um lembrete de como estampas clássicas são fáceis de combinar. Listras com calça rosa, pode? Sim, produção!

Fonte: Glamour

 

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )

A começar pela sapatilha da Valentino que promete ser a it-flat da temporada, o balé inspira e traz delicadeza à moda nesta estação.

img_7545

Un, deux, trois; un, deux, trois… A contagem em francês que dá o ritmo das aulas de balé promete reger também o closet das fashionistas nesta temporada, graças a grifes que elegeram a delicadeza da dança como o statement da vez na moda. Collants, tutus e produções leves tingidas de tons de nude e rosa invadiram as coleções internacionais para o inverno 2016/17, em looks que exploram também as interessantes sobreposições feitas pelas bailarinas a caminho dos ensaios, com seus casaquetos e leggings.

Enquanto Bill Gaytten, à frente da John Galliano, combinou saias de tule com casacos militares e botas que pareciam saídas de um ringue de boxe, Carolina Herrera enxugou a silhueta clássica do balé, apostando em vestidos lânguidos de organza plissados e enfeitados com bordados high-tech.

Mas vem da Valentino o acessório hit para incorporar à tendência: uma sapatilha de couro disponível nas versões preta e nude (já à venda nas quatro lojas brasileiras da marca) que se inspira no modelo utilizado nas aulas e vem decorada com os spikes característicos dos acessórios da grife italiana. Pontuando 18 looks do desfile de inverno da marca, que aconteceu ao som de John Cage e Philip Glass, tocados ao vivo por um pianista, a peça não faz bonito apenas combinada aos belos vestidos festivos inspirados nos balés russos que cruzaram a passarela: a sapatilha deluxe, que promete ser o flat-desejo da vez, traz delicadeza e elegância também aos passos do dia a dia.

desfilesA partir da esquerda, looks da Bottega Veneta, Carolina Herrera, John Galliano e Max Mara (fotos: divulgação)

Fonte: Vogue

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

Comments ( 0 )
Página 3 de 1412345...10...Última »